maio 19, 2006

Tremores


Ladaínha que permanece. Dor que não se vê. Ferida que não sara. Entra rápido e sai, ou vai ficando devagar. Ai, o gato deixou o rabo de fora. Não fujas, a sala é ampla e não tem paredes. És um vagabundo de ti mesmo, cuja transparência brinda a mais inútil queda. O rabo do gato? Fica sempre de fora.

Sem comentários: